Grupo de Cavaquinhos do Porto

O Cavaquinho

cavaquinho zoom01

cavaquinho zoom01

O Cavaquinho, segundo Dr. Veiga de Oliveira, tambem designado por braguinha, braga, machete, machetinho ou machete de Braga, é um instrumento de cordas, muito popular na música tradicional portuguesa quer como acompanhador, quer como solista. Toca-se de "rasgado", segundo uma técnica própria do instrumento, "o varejamento", que é feito com polegar e o indicador ( e/ou médio, e/ou anelar, e/ou mínimo, consoante os tocadores) em posição rígida, que no movimento ascendente ou descendente da mão, pulsam sucessivamente as cordas, mantendo uma amplitude constante no movimento da mão.

Pensam os estudiosos que a sua origem está nos tetracórdios helénicos, no entanto não nos devemos esquecer que foram e continuam a ser os espanhóis os grandes difusores dos cordofones da família das guitarras, na qual o cavaquinho está inserido. Pensa-se que a par da viola, terá sido trazido para Braga pelos Biscaínhos, individuos naturais do País Basco.

Percorreu mundo nas mãos de emigrantes. Destaca-se João Fernandes, nascido na ilha da Madeira em 1854, que tudo leva a crer ter sido o responsável pelo aparecimento do cavaquinho no Havai. Foi trabalhar para Honolulu, saindo da Madeira num barco à vela chamado Ravenscrag, onde chegou no dia 23 de Agosto de 1879. Os nativos devido à sonoridade gritante do cavaquinho, chamaram-lhe “ukulele” que quer dizer “pulga saltadora”. Foi Manuel Nunes o primeiro Madeirense a montar uma fábrica de construção de cavaquinhos no Havai.

O Cavaquinho pode ter várias afinações das quais as mais conhecidas são:
  • Ré-Si-Sol-Sol ;
  • Mi-Do#-La-La ;
  • moda velha: La-Mi-Do-Sol ;
  • afinação antiga: Mi-Si-La-Ré.

acordes

 

 

Para saber mais leia:

O Cavaquinho - Dr. Ernesto Veiga de Oliveira,

extraído do livro "Instrumentos Populares Portugueses", edição da Fundação Calouste Gulbenkian